Número total de visualizações de página

domingo, 1 de dezembro de 2013

Sabadal de 30 de Novembro de 2013

O Track



Este reconhecimento dos Fortes das Linhas de Torres está a superar as expectativas. Trilhos nunca antes pedalados, paisagens do “caraças”e sempre aqueles momentos de humor MontiBiker.
Nem sempre o que estava delineado acontece, ou seja, algumas vezes deparamos com barreiras intransponíveis e outras,  trilhos que deixaram de o ser, desapareceram dando lugar a campos lavrados.
Mas os MontiBikers estão sempre bem, avançam, voltam atrás e mais uma subida. Que sorte a seguir de certeza vem uma descida.
Neste sabadal os três MontiPresentes desbravaram trilhos até mais duas fortificações. Primeiro foi o Forte do Trancoso seguindo-se o Forte 1º da Calhandriz.
O Forte do Trancoso já tinha sido visitado pelos MontiPresentes mas nenhum o tinha relacionado a um forte, isto muito simplesmente porque muralhas nem vê-las nem umas pedrinhas que nos dessem a mínima ideia de uma fortificação. No local apenas um marco geodésico e um outro pequeno marco com as inscrições de F5 Calhandriz.
Quanto às vistas, não vos conto. Uma coisa é certa o tal general Wellington não era parvo nenhum, para além da ideia brilhante da sua táctica, os locais que escolheu para as fortificações tinham umas vistas fantásticas.
Quanto ao Forte 1º da Calhandriz, o segundo a ser visitado, tem muralhas. Muito próximo estão outras duas fortificações, que não visitamos mas que numa próxima oportunidade o faremos.
Mais um local que infelizmente não está identificado como Forte das Linhas de Torres. Mais um ao abandono, sem uma placa a relatar a sua histórica importância.
Como vou já longo neste relato apenas acrescentarei que MontiEmidio teve um pequeno precalço na sua TrekBike. Um pau atravessou-se na roda traseira e como consequência um raio partido, um buraco no aro e o desviador danificado.
Mas qual mecânico inventivo, a solução dos problemas foi rápida e genialmente resolvido graças a uma luva de borracha.
Não acabamos o nosso Sabadal sem uma visita ao nosso atencioso “BikoCirurgião” Sérgio da Xtrilhos para um diagnóstico à TrekBike e a respectiva marcação de reparação.
Foram 32 km de mais um grande pedalanço com cerca de 500 mt de acumulado de subida.
Fiquem bem, tenham uma boa semana e boas pedaladas
Abraikes

MontiCadilha 
As Fotos

O Filme


Sem comentários:

Enviar um comentário