Número total de visualizações de página

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

MontiArmando na Maratona de Canha

Maratona BTT Canha 2013-12-01

Como sabem fui participar na maratona de canha, pela segunda vez consecutiva. Por volta das 7:00 depois de já meter a bike e o saco para o banho, arranquei para Canha, desta vez sem a presença do MontiPaulo e de nenhum outro MontiBiker.
Foi uma viagem tranquila, por volta das 8:00 já estava a estacionar ao pé do quartel dos B. V. de Canha, estacionado o carro, fui levantar os dorsais para evitar o aglomerado que costuma acontecer nestas provas, este ano com 833 inscritos.
De volta para a carrinha olhei para a mala da ferramenta, que costumo levar sempre nestas provas, onde tenho câmaras de ar e outros acessórios, como vocês sabem não sou adepto de levar nada a não ser os bidons! Mas na véspera, no sabadal que MontiCadilha, MontiEmidio e MontiLuis fizeram, ouve um percalço com o MontiEmidio e não sei porquê deu-me para levar tudo hoje! É maluco!
Colocado o dorsal na bike fui então dar uma voltinha para aquecer e passar o tempo, ao passar perto da meta reparei que já havia dezenas de bikes no local da partida, antes que ficasse para o fim fui logo meter a minha tambem, fiquei umas cinco a seis filas atrás dos primeiros. Há hora prevista e depois da palestra habitual, foi dada a partida, os primeiros kms foram em alcatrão como habitual para o pelotão de 833 participantes se alongar para evitar os engarrafamentos quando se chega aos trilhos. Mas muita gente deu tudo por tudo para chegar á frente nos kms iniciais, desde encontrões a razias, seria para chegar no top ten ao km 10?! Ou para chegar primeiro ao abastecimento?! Bem, após a confusão do inicio da partida e as ultrapassagens dos “cromos”, chegado aos trilhos lá comecei a passar por muitos deles, pois a força inicial tinha ido á vida, o pessoal esquece-se que ainda tem que fazer o resto do percurso e não controla o ritmo e o esforço, mas cada um sabe de si, o percurso tinha muitas zonas com bastante areia onde o pessoal fazia slides e onde obrigava a uma pedalada exigente para não perder o equilíbrio, havia tambem umas quantas subidas de alguma dureza devido ao piso, ouve tambem muito estradão, o que não deixa descansar pois obriga a rolar a um ritmo constante, e assim sendo passado 65 km lá cheguei á meta com o tempo não oficial de 2h54 com uma media de 22.3 km/h, podia ter feito melhor, mas nas ultimas duas semanas não treinei por isso não podia pedir mais das pernas.
Após a chegada á meta, foi altura de pedalar com mais calma e descomprimir um pouco á volta do quartel até á carrinha, bike guardada e saco ás costa para ir tomar banho quando passam três colegas todos irados porque não havia água quente! Já estava á espera disso, quando os balneários são com cilindros é o que acontece, quem chega depois dos primeiros leva com água fria. Sendo assim foi directo ao almoço, fui bem servido mas tive que ir repetir, a chicha estava mesmo boa! Comida a sobremesa hora de voltar para casa para tomar um belo dum banho quente! E assim foi o dominical deste MontiBiker, abraikes e uma boa semana.

MontiArmando

Link com um filme sobre a maratona



3 comentários:

  1. Aì está o MontiArmando e a sua roda 29 no que mais gostam, rolar e mais rolar e quanto mais longa for a maratona melhor. Parece que a seguir é a de 160 km lá para os Alentejos.

    ResponderEliminar
  2. Classificação da maratona 92º em 308 participantes,com o tempo oficial 2:54:01, em principio a ultima prova que vesti a camisola dos MontiBikers, como alguns de vocês sabem represento a equipa de BTT Estrelas Lisboa ProCycling, embora ainda não haja equipamentos, por ainda não estar decidido os patrocinadores, mas corro já com o nome da equipa, mas não quer dizer que vou deixar de andar com vocês!! MontiBiker forever !!

    ResponderEliminar
  3. Boa MontiArmando, assim é que se faz para não serem sempre os mesmos a colocar crónicas no nosso Blog.
    Muito obrigado pela tua participação.

    ResponderEliminar