Número total de visualizações de página

domingo, 23 de março de 2014

Sabadal de 22 de Março de 2014 Arruda Santa Cruz

O Track

Dia histórico o deste Sabadal. Quatro Montis, Cadilha,Paulo, Nando e Armando apresentaram-se em Arruda dos Vinhos junto ao quartel dos bombeiros pelas 8:00 para 62km de pedalanço em conjunto. Os Montis Armando e Paulo fariam ainda mais uns quantos no regresso por estrada.
Depois de verificações efectuadas e GPS`s ligados, partimos na companhia de uma temperatura amena, ideal para um passeio de BTT. Nos primeiros kms as subidas são constantes, até parece que alguém andou a roubar as descidas.
Devido às chuvas do dia e noite anterior, uma boa parte do trilho apresentava água e lama, esta em maior quantidade. Fazíamos paragens forçadas para limpar as “meninas” prosseguiamos e logo mais à frente nova paragem para nova limpeza. As correntes das bikes do MontiNando e da minha foram salvas pelo óleo milagroso do MontiPaulo, tal era a secura que apresentavam.
Com 40km percorridos paramos num café para um reforço alimentar e cafeína.Quando entramos no estabelecimento fomos saudados com um grande sorriso pela senhora, mas à saída recebemos alguns nomes não muito abonatórios devido à lama que deixamos como recordação, obrigando a entrada de emergência do balde e da esfregona.
Prosseguimos a nossa viagem agora com mais energias.
Tivemos alguns contratempos nesta viagem, algumas partes do percurso estavam vedados, ora por vedações colocadas pelos proprietários dos terrenos ora por silvas que invadiam de “forma abusiva” os trilhos. Vida de BTTista não é fácil. Umas vezes para trás outras para o lado acabavamos por encontrar novamente o track.
Ainda tivemos uma visita muito breve de uns suaves pingos de chuva, coisa pouca.
Faltavam pouco mais de 10kms para o nosso objectivo quando por sugestão de MontiNando fizemos uma separação do grupo. MontiNando apresentava algum cansaço muscular e como os Montis Paulo e Armando ainda teriam de fazer o regresso de bike sugeriu que fossem avançando que nós prosseguiriamos com um ritmo mais moderado.
Ainda observamos algumas espécies de animais não muito frequentes nos nossos passeios, uma avestruz e alguns veados, quem diria.
Chegamos às arribas. Maravilha, o mar mesmo à nossa frente e Santa Cruz no horizonte. Serpenteamos pela vegetação e observamos lá mais à frente os nossos bravos companheiros. Parecia que mesmo assim não estavamos muito atrasados.
A vista nas arribas é espectacular e os trilhos por vezes muito próximos da falésia obrigam a um cuidado redobrado e até a desmontar da bike por segurança.
Chegamos! E chegamos ainda a tempo de tirar uma foto de grupo com os nossos companheiros. Estavam a acabar o seu reforço alimentar para o regresso.
Fotos tiradas, com a ajuda de um turista simpático e novas despedidas.
Só nos restava ir ao nosso almoço para depois fazermos o regreso de carro, a esposa do MontiNando estava à nossa espera.
Mais um dia em cheio para estes quatro MontiBikers.
Até ao próximo Sabadal
Abraikes
Fotos

Filme



6 comentários:

  1. Olá Montis, mais um espectacular passeio. É duro mas a paisagem compensa todo o esforço que se fez, a companhia foi óptima, tudo isto resultou num dia fantástico difícil de esquecer.
    Venham mais, pois é isto que precisamos.
    Fica desde já um aviso a todos, eu estarei presente no passeio Almourol à vista dia 27 de Abril, vai ser especial para mim pois é o dia a seguir ao meu aniversário.
    Até ao próximo encontro
    Abraikes

    ResponderEliminar
  2. Mais um daqueles passeios a meter um pouco de inveja a quem fica na caminha...
    MontiNando olha a dieta... esse corpinho como tu dizes... não anda a água...
    mas nota-se um pouquinho do teu consumo da água de vialonga a fazer algum efeito nessa barriguita...eheheh
    Agora só falta ver a produção MontiNando... venham de lá essas filmagens fora de serie...
    Então em tamanha distância e aventura... não houve beija-flor???
    Será que faltaram ai os especialistas e amantes da natureza botânica??

    Inté

    ResponderEliminar
  3. é pá muito fixe!!! tive mta pena nao vos ter acompanhado, ainda vou ter de ficar mais umas semanas sem pedalar, mas o tempo ja pede... boas pedaladas, abraikes

    ResponderEliminar
  4. Beija-flôres até houve mas registos é que não. Terão que ser os autores a divulgarem para que se faça a justiça da entrega e colagem do Beija-Flôr na respectiva bike.
    Foi mais um dia MontiBiker do malhão.

    Abraikes

    ResponderEliminar
  5. Olá Montis!
    Bravo, Montis do Arruda-Sta. Cruz!
    Espero que todos se sintam já recuperados e que continuem em grande, vocês e quem não arranjou maneira de vos acompanhar. É destas aventuras que se alimenta o nosso espírito e a nossa vontade.
    Claro que o meu desejo era ter-vos acompanhado. Mas não faltarão ocasiões para demonstrar como se comporta um verdadeiro líder de beija-flores vistos e ritualmente registados.
    Boa semana.
    Abraikes.
    Victor

    ResponderEliminar
  6. Caríssimos,
    acabei agora de ver os filmes do MontiNando e confirma-se, dois beija-Flôr para o MontiNando.
    Dois e sem mazelas dois tralhos com arte de quem sabe cair.
    Abraikes

    ResponderEliminar