Número total de visualizações de página

domingo, 6 de janeiro de 2013

05 de Janeiro Uma ída ao Serves

Clica no mapa e tens o track no GPSIES

O primeiro Sabadal de 2013 foi fantástico, a começar pelo tempo. Foi-nos oferecido um dia com um Sol primaveril, um ligeiro frio matinal e vento nicles. Melhor ainda foi a participação de 5 Montis neste nosso Sabadal, Victor, Armando, Nando, Luís e Cadilha. Ainda não foi desta que todos os MontiBikers  participaram num passeio em conjunto.
A grande novidade do dia foi sem dúvida, e para grande alegria nossa e principalmente do próprio, o aparecimento de uma nova e bela bike no grupo. Muitos parabéns MontiLuís pela belíssima aquisição, uma Canyon AL. Simplesmente Fantástica.

Devido a um pequeno atraso do MontiNando, e de alguma conversa para pôr a escrita em dia, compreensível, o começo do nosso sabadal foi apenas às 9:00h, sem stress.
Tomamos o caminho das salinas, terreno plano para um bom aquecimento, pois os músculos deste pessoal bem precisava, depois de um interregno de quase 3 semanas, e de muita guloseima pelo meio. A ideia inicial era ir até Frielas mas perto do Zambujal houve mudança de planos, como mais adiante explicarei.
Passamos pela Póvoa de Santa Iria, caniços e entramos pelo trilho das quintas de Vialonga. O terreno estava bom, mas de vez em quando tinhamos a companhia de lama. Já na segunda quinta fomos obrigados a voltar para trás, o trilho estava bloqueado por um grande lençol de água. Voltámos para a estrada e seguimos um pouco pela variante. Aqui tivemos uma paragem forçada, era o primeiro furo do ano. O “feliz” contemplado, MontiNando.
Problema resolvido, regresso ao alcatrão e de seguida reentrada no trilho em direcção a Alpriate e Granja. MontiLuís estava em pulgas para pôr a sua Canyon à prova e a sugestão não tardou, vamos trepar? Um trilho mesmo à nossa direita levaría-nos ao Zambujal e dali para os montes até ao Serves.
Uma paragem no fontanário do Zambujal para abastecimento e depois a subida até à Mata do Paraíso. Só aqui é que após uma breve troca de sugestões a decisão do trilho final foi tomada. Trilhar uma parte do labirinto da Mata, subir à pedreira e tomarmos o trilho até ao marco geodésico do Serves.
Para chegar aqui as subidas são constantes e para quem não pedalava à três semanas, os Montis tiveram um comportamento altamente positivo. Bom terei que evidenciar o nosso benjamim MontiLuís, que com a sua CanyonBike trepava a um ritmo impressionante, dando a ideia de que as várias paragens que teve foram puras ilusões.
Serves atingido e devido ao horário que tinhamos previamente estabelecido estava na hora de fazermos o regresso a Alverca. A partir daqui só se vislumbravam umas belas e boas descidas. Os cinco MontiBikers fizeram-se ao trilho pedalando com grande força e grande animação porque tirando uma ou outra pequena subida as descidas eram em grade número.
A chegada ao alcatrão e final das descidas, deu-se no Cabo de Vialonga. Seria aqui a despedida ao MontiNando, o regresso à Quinta da Piedade era para a direita e os restantes Montis tomariam a esquerda como rumo.
Na rotunda do Alambique, na Verdelha, era a despedida aos Montis Armando e Luís, Bom Sucesso e Sobralinho ficava mais perto pela esquerda e os Montis Séniores rumariam pela direita até Alverca.
A chegada à garagem do nº4 seria às 12:15h após 33km de um Sabadal com muito sol, muitas subidas, culminada com uma descida espectacular. Um bom baptismo para a CanyonBike.
Abraikes e até ao próximo Sabadal
Fotos

O Filme


4 comentários:

  1. Pois cá estamos de volta às belas pedaladas! E às belas reportagens, com um nível que corresponde, na minha opinião, ao que de melhor se pode apresentar como resumo dum sabadal Montibiker. Faltam os outros Montis, agora menos ou nada pedalantes! Que o Novo Ano lhes rebente as barreiras que os impedem de participar em momentos tão agradáveis como os deste Sabadal, primeiro do temido ano da graça de 2013. Fora com a crise, toca a pedalar!
    Abraikes para todos.
    Victor

    ResponderEliminar
  2. O MontiCadilha está de parabéns pois está a iniciar o ano com novos recordes
    1. Primeira reportagem MontiBiker
    2. Primeiro beija flor 2013
    3. Faz pela primeira vez uma gravação GPS e grava no gpsies. Boa…
    O MontiNando como não poderia deixar de ser… tem o primeiro furo do ano.. eh eh é o regresso…
    O MontiLuis faz a primeira compra do ano… e que compra… ganda máquina… parabéns…
    Os outros pela primeira vez este ano puderam desfrutar de momentos desportivos, de amizade e belas paisagens…

    Um bom ano de 2013 para todos os BTTistas e amantes da natureza...

    Inté

    ResponderEliminar
  3. Os Outros Montis parece que continuam em férias ou então estiveram a poupar as energias para o próximo Sabadal.
    Abraikes

    ResponderEliminar
  4. Um bom passeio, que de início ia ser soft mas acabou por ser mais uma verdadeira caça ao monte. A melhor novidade deste passeio foi mesmo a primeira CANYON do grupo Montibiker, é claro que a partir de agora vão começar a nascer mais, digo eu.
    Abraikes a todos

    ResponderEliminar